Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.bdtd.uerj.br/handle/1/18106
Tipo do documento: Dissertação
Título: Variabilidade climática natural e sua relação com os recursos hídricos superficiais da bacia hidrográfica do Alto Rio das Velhas
Título(s) alternativo(s): Natural climatic variability and its relationship with surface water resources of the upper Rio das Velhas watershed
Autor: Oliveira, Glaucia Maria Muniz de 
Primeiro orientador: Souza, Lúcio Silva de
Primeiro membro da banca: Herms, Friedrich Wilhelm
Segundo membro da banca: Silva, Luciene Pimentel da
Terceiro membro da banca: Lyra, Gustavo Bastos
Resumo: Uma das questões mais importantes do século XXI é a gestão integrada da água disponível. Os instrumentos de gestão da Política Nacional de Recursos Hídricos, sobretudo a outorga de direito de uso, tem a bacia hidrográfica como unidade de planejamento e buscam assegurar que haverá água em quantidade e qualidade suficiente a todos os usuários. Logo, a gestão dos recursos hídricos perpassa, essencialmente, na hipótese da disponibilidade satisfatória de água, em que a sociedade possa ter suas necessidades supridas. O estudo da variabilidade natural do clima, que inclui seus extremos, justifica-se porque a perda de estacionariedade das séries pode impor alterações importantes em setores, como o de geração de energia, irrigação e abastecimento de água. É também relevante pela necessidade de adaptar-se a cenários onde eventos extremos podem ser mais frequentes. Desta forma, este trabalho buscou compreender se (e como) as variações naturais do clima podem interferir na disponibilidade hídrica superficial da bacia hidrográfica do Alto Rio das Velhas, localizada na região central do estado de Minas Gerais, Brasil. Teve como objetivo identificar alterações em séries de precipitações e vazões sobre a bacia hidrográfica, que fossem compatíveis com a ocorrência dos índices de variabilidade climática, El Niño Oscilação Sul (IOS/INO), Oscilação Decadal do Pacífico (ODP) e Dipolo do Atlântico (TSAI/TNAI). Para tanto, foram definidos os seguintes objetivos específicos: (i) identificar a existência de tendências nos dados de precipitação e vazão disponíveis para a área da bacia; (ii) analisar as séries de dados hidrológicos, correlacionando com os períodos em que ocorreram a incidência dos índices de variabilidade climática definidos; (iii) definir a existência de cenários em que ocorrem anomalias nas séries hidrológicas a partir da manifestação do fenômeno climatológico. Após análise dos resultados, verificou-se que na área de estudo as interações entre os fenômenos analisados – IOS, INO, ODP e TSAI/TNAI – e os índices hidrológicos são fracas ou imperceptíveis. Principalmente para os índices ODP e TSAI/TNAI verificou-se alta dispersão dos dados, representativo de baixo índice de correlação. No caso do fenômeno La Niña foi possível identificar tendência de aumento na precipitação durante os meses chuvosos em cenários sem deslocamento temporal ou com deslocamento temporal de 12 meses (após o evento). Para o fenômeno El Niño, foi possível identificar tendência de redução da precipitação nos meses secos. Conclui-se que por se tratar de fenômenos macro, de escala global, que se processam ao longo do tempo, é difícil identificar claramente suas correlações. O tempo de resposta aos fenômenos globais no regime da Bacia é outro limitante que deve ser considerado em estudos futuros.
Abstract: One of the most important issues of the 21st century is the integrated management of available water. The management instruments of the Brazilian National Water Resources Policy, particularly the granting of the right to use, seek to ensure that there will be sufficient water both in quality and quantity for all users, having the watershed as the basic planning unit. The management of water resources is built on the premise of satisfactory water availability, in which society can have its demands fulfilled. The study of the climate natural variability, including its extremes, is justified by the need to adapt to scenarios where extreme events may be more frequent and the loss of stationarity of the series can impose important changes in sectors such as power generation, irrigation and water supply, among others. This work sought to understand whether (and how) natural climate variations may interfere with the surface water availability of the upper Rio das Velhas watershed, located in the central region of the State of Minas Gerais (Brazil). It aimed to identify changes in rainfall and flow data on the watershed that are compatible with the occurrence of the following climate variability indices: El Niño–Southern Oscillation (SOI/ONI), Pacific Decadal Oscillation (PDO) and Tropical Atlantic SST Dipole (TNA/TSA). For that, the following specific objectives were defined: (i) to identify the existence of trends in the rainfall and flow data available for the basin area; (ii) to analyze the series of hydrological data, correlating them with the periods in which the climatic variability indices occurred; (iii) define the existence of scenarios in which anomalies in the hydrological series occur from the manifestation of the climatological phenomena. Results have shown that the interactions between the analyzed phenomena (IOS, INO, ODP and TSAI / TNAI) in the study area are weak or inconspicuous. For the ODP and TSAI / TNAI indices, there was a high dispersion of data, representing a low correlation index. In the case of the La Niña phenomenon, it was possible to identify an increasing trend in precipitation during the rainy months in scenarios without temporal displacement or with a 12-month temporal displacement (after the event). For the El Niño phenomenon, it was possible to identify a tendency to reduce precipitation in the dry months. The conclusion is that because these are macro-global phenomena that occur over time, it is difficult to identify correlations. The time of response in the Basin to global phenomena is another limitation that must be considered in future studies.
Palavras-chave: Variações naturais do clima
Disponibilidade hídrica
Gestão dos recursos hídricos
Mudanças climáticas – Velhas, Rio das, Bacia (MG)
Bacias hidrográficas – Velhas, Rio das, Bacia (MG)
Recursos hídricos – Administração – Velhas, Rio das, Bacia (MG)
Correntes Oceânicas
Natural climate variations
Water availability
Water resources management.
Área(s) do CNPq: ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA::RECURSOS HIDRICOS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Sigla da instituição: UERJ
Departamento: Centro de Tecnologia e Ciências::Faculdade de Engenharia
Programa: Programa de Pós-Graduação em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos (PROF-ÁGUA)
Citação: OLIVEIRA, Glaucia Maria Muniz de. Variabilidade climática natural e sua relação com os recursos hídricos superficiais da bacia hidrográfica do Alto Rio das Velhas. 2020. 209 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Rede Nacional em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos – PROF-ÁGUA), Centro de Tecnologia e Ciências, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2020.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.uerj.br/handle/1/18106
Data de defesa: 11-Set-2020
Aparece nas coleções:Mestrado Profissional em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos (PROF-ÁGUA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Glaucia Maria Muniz de Oliveira - 2021- Completa.pdf9,46 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.