Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.bdtd.uerj.br/handle/1/19060
Tipo do documento: Dissertação
Título: Estudo dos fundamentos teóricos da socioeducação
Título(s) alternativo(s): Study the theoretical foundations of socio-educational
Autor: Oliveira, Melissa Botelho de 
Primeiro orientador: Almeida, Ney Luiz Teixeira de
Primeiro membro da banca: Sierra, Vânia Morales
Segundo membro da banca: Martins, Eliana Bolorino Canteiro
Resumo: A presente pesquisa se propõe a estudar os fundamentos teóricos da socioeducação no âmbito das medidas socioeducativas na sociedade brasileira contemporânea. Nesse sentido, aborda a discussão da educação no modo de produção capitalista, com destaque para o debate da educação na sociedade de classes, sua estruturação, objetivos e perspectivas. Trata, também, das particularidades do desenvolvimento do modo de produção capitalista no Brasil, as características de sua Revolução Burguesa e os rebatimentos desse processo na área da Educação. De igual modo, sinaliza para os contornos assumidos pela política de educação no país, das tensas relações estabelecidas no interior da referida política em decorrência das disputas entre projetos de educação essencialmente antagônicos, haja vista que se a política de educação no Brasil é expressão de uma racionalidade privatista e centrada no viés econômico, nos seus interstícios residem, também, possibilidades de construção de projetos de sociedade que se contrapõem de forma incisiva ao status quo. Resgata, de forma breve, a história da política de atendimento à criança e ao adolescente no Brasil. O objetivo foi o de refletir sobre o conjunto e as características das práticas pedagógicas direcionadas à infância e juventude das classes trabalhadoras na formação social brasileira. Nessa perspectiva, buscou problematizar as estratégias utilizadas pela classe dominante, estratégias muitas vezes mediadas pelo crivo pedagógico, de enfrentamento das desigualdades decorrentes do modo de produção capitalista. Parte da premissa de que a socioeducação surge de uma necessidade histórica de responder, com base em aparatos legais e mecanismos institucionais, a uma problemática que acompanha a história da sociedade brasileira e que adquire contornos mais expressivos com o processo de industrialização. Trata-se do “problema” da infância e da juventude “pobres” que, desde então, assim como muitas outras expressões da questão social, apresenta-se não somente como “caso de polícia”, mas como uma questão que reclama a intervenção do Estado.
Abstract: This research aims to study the theoretical foundations of socioeducation under the educational measures in contemporary Brazilian society. In this sense, addresses the education discussion in the capitalist mode of production, with emphasis on the education debate in class society, its structure, goals and perspectives. It also analyzes the particularities of the development of the capitalist mode of production in Brazil, the characteristics of its Bourgeois Revolution and the repercussions of this process in Education. Similarly, signals to the outlines given by the education policy in the country, the tense relations established within said policy as a result of disputes between essentially antagonistic education projects, given that education policy in Brazil is an expression of privatizing and centered rationality in economic bias, in the interstices reside also possibilities of building society projects that contrast starkly to the status quo. Rescues, briefly, the history of child care policy and adolescents in Brazil. The objective was to reflect on the set and characteristics of pedagogical practices directed at children and youth of the working classes in Brazilian society. From this perspective, sought to question the strategies used by the ruling class, strategies often mediated pedagogical screen, coping inequalities arising from the capitalist mode of production. Assumes that the socioeducation arises from a historical necessity to respond, based on legal apparatus and institutional mechanisms, an issue that follows the history of Brazilian society and getting more clearly defined with the industrialization process. This is the "problem" of children and youth "poor" since then, and many other expressions of the social question, is presented not only as a "police case," but as an issue that demands the intervention of the State.
Palavras-chave: Educação
Socioeducação
Medidas Socioeducativas
Education
Socioeducation
Socio-Educational Measures
Área(s) do CNPq: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL::SERVICO SOCIAL APLICADO::SERVICO SOCIAL DA EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Sigla da instituição: UERJ
Departamento: Centro de Ciências Sociais::Faculdade de Serviço Social
Programa: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social
Citação: OLIVEIRA, Melissa Botelho de. Estudo dos fundamentos teóricos da socioeducação. 2015. 141 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) – Faculdade de Serviço Social, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.uerj.br/handle/1/19060
Data de defesa: 30-Abr-2015
Aparece nas coleções:Mestrado em Serviço Social

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Melissa Botelho de Oliveira - 2015 - Completa.pdf1,17 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.