Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.bdtd.uerj.br/handle/1/20443
Tipo do documento: Dissertação
Título: Estudo comparativo entre dois sistemas descentralizados de tratamento de esgoto doméstico instalados no Centro de Estudos Ambientais e de Desenvolvimento Sustentável da UERJ
Título(s) alternativo(s): Comparative study between two decentralized domestic sewage treatment systems installed at the Center for Environmental Studies and Sustainable Development at UERJ
Autor: Souza, Maria Clara Vieira Pereira de 
Primeiro orientador: Salomão, André Luis de Sá
Primeiro membro da banca: Machado, Anna Virgínia Muniz
Segundo membro da banca: Teixeira, Lia Cardoso Rocha Saraiva
Resumo: O crescimento desordenado somado à falta de investimentos no setor de saneamento, fez com que o Brasil ocupasse a 118° posição no ranking de países com acesso ao saneamento básico. A dispersão populacional e a dificuldade de acesso em muitas comunidades isoladas e assentamentos rurais trazem complexidade ao atendimento deste direito a uma parte da população. Uma das vantagens do tratamento descentralizado do esgoto é que este, pode ser tratado próximo à fonte geradora, diminuindo a necessidade de grandes investimentos em instalações e implantação das extensas redes coletoras para levar o esgoto produzido até a estação de tratamento de esgoto. O objetivo do trabalho foi operar, monitorar e comparar as eficiências de tratamento de dois sistemas descentralizados de tratamento de esgoto instalados no CEADS, Vila de Dois Rios, Ilha Grande, RJ. Sendo um deles, o Ecossistema Engenheirado (EE), que combina sistema convencional de tratamento composto por tanque anaeróbio, aeróbio e anóxico, com sistema ecológico, composto por wetlands construídos, e outro, o Sistema Avançado Anaeróbio de Tratamento de Esgoto (SAATE), composto apenas por sistemas convencionais anaeróbios. O monitoramento dos sistemas foi conduzido em 03 etapas: (i) levantamento de dados das instalações do CEADS; (ii) descrição das tecnologias de tratamento implantadas em cada um dos sistemas analisados, assim como suas operações e manutenções; e (iii) coleta, condicionamento, análises dos efluentes. Analisando a média do efluente tratado (efluente final) de cada sistema, a eficiência global dos parâmetros monitorados e o seu enquadramento perante as legislações vigentes que determinam os limites de lançamento de efluente em corpos hídricos, o Ecossistema Engenheirado apresentou melhores resultados em todos os parâmetros. Já o SAATE ficou fora dos limites de lançamento em muitos dos parâmetros analisados, como OD, DBO, SDT. Apesar do EE possuir um maior custo operacional devido ao gasto com energia elétrica, demandar uma maior frequência de manutenção para realização da poda das macrófitas, e necessitar de uma área maior para sua instalação, este apresentou melhor eficiência global na remoção de todos os parâmetros analisados ao longo dos meses de pesquisa, contribuindo assim, para uma maior preservação da qualidade dos corpos d'água após o lançamento do efluente tratado no meio ambiente.
Abstract: The uncontrolled growth combined with a lack of investment in the sanitation sector has placed Brazil in the 118th position in the ranking of countries with access to basic sanitation. The dispersed population and the difficulty of access in many isolated communities and rural settlements bring complexity to the provision of this right to a portion of the population. One of the advantages of decentralized wastewater treatment is that it can be treated near the source, reducing the need for large investments in facilities and the implementation of extensive sewerage networks to transport the generated wastewater to the wastewater treatment plant. The objective of this study was to operate, monitor, and compare the treatment efficiencies of two decentralized wastewater treatment systems installed at CEADS, Vila de Dois Rios, Ilha Grande, RJ. One of them is the Engineered Ecosystem, which combines a conventional treatment system consisting of anaerobic, aerobic, and anoxic tanks with an ecological system composed of constructed wetlands. The other one is the Advanced Anaerobic Wastewater Treatment System, composed solely of conventional anaerobic systems. The monitoring of the systems was conducted in three stages: (i) data collection from the CEADS facilities, (ii) description of the treatment technologies implemented in each of the analyzed systems, as well as their operations and maintenance, and (iii) collection, conditioning, and analysis of the effluents. Analyzing the average of the treated effluent (final effluent) from each system, the overall efficiency of the monitored parameters, and their compliance with the current regulations that determine the limits for effluent discharge into water bodies, the Engineered Ecosystem presented better results in all parameters. On the other hand, the Advanced Anaerobic Wastewater Treatment System exceeded the discharge limits for many of the analyzed parameters, such as dissolved oxygen, biochemical oxygen demand, and total suspended solids. Despite the Engineered Ecosystem having higher operational costs due to energy consumption, requiring more frequent maintenance for macrophyte pruning, and needing a larger area for installation, it showed better overall efficiency in removing all the analyzed parameters throughout the months of research, thus contributing to a greater preservation of water quality after the discharge of treated effluent into the environment.
Palavras-chave: Engenharia ambiental
Esgotos rurais
Águas residuais – Purificação
Serviços ambientais
Environmental engineering
Sewerage, Rural
Sewage – Purification
Ecosystem services
Área(s) do CNPq: ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA::SANEAMENTO AMBIENTAL::CONTROLE DA POLUICAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Sigla da instituição: UERJ
Departamento: Centro de Tecnologia e Ciências::Faculdade de Engenharia
Programa: Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental
Citação: SOUZA, Maria Clara Vieira Pereira de. Estudo comparativo entre dois sistemas descentralizados de tratamento de esgoto doméstico instalados no Centro de Estudos Ambientais e de Desenvolvimento Sustentável da UERJ. 2023. 97 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) - Faculdade de Engenharia, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2023.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.uerj.br/handle/1/20443
Data de defesa: 19-Jun-2023
Aparece nas coleções:Mestrado Profissional em Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Maria Clara Vieira Pereira de Souza - 2023 - Completa.pdf3,94 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.